Consequências do aquecimento global para a saúde

Consequências do aquecimento global para a saúde

Doenças, Tecnologia

A década que começou em 2000 foi a mais quente da Terra pelo menos nos últimos 1300 anos. Todos nós já ouvimos falar sobre como o aquecimento global afetou nosso clima, o ar que respiramos, nossos oceanos, nossas plantações e as calotas polares. Mas o que esse aquecimento representa para nossa saúde e a saúde de nossas famílias?

Um relatório arrepiante foi publicado esta semana na revista médica britânica The Lancet. Ele fala sobre como nossa saúde individual sofrerá, direta e indiretamente, devido ao aumento da temperatura no planeta. Com mais pessoas concentradas na terra, estamos queimando mais combustíveis fósseis em fábricas, carros e caminhões. Para piorar as coisas, estamos eliminando as árvores e as florestas que normalmente são a maneira natural de absorver o calor e a poluição.

Aquecimento global: Consequências para a saúde

Estresse por calor

Em 2003, no verão mais quente desde pelo menos 1540, a Organização Mundial da Saúde estima que 70.000 europeus morreram devido à insolação e outras doenças relacionadas ao calor. Especialmente idosos e pessoas que não podem pagar por um ar condicionado ficam mais vulneráveis a esta situação. O calor extremo aumenta substancialmente os eventos cardiovasculares, como ataques cardíacos, e insuficiência renal.

Infecções de espalhamento

As áreas afetadas por doenças transmitidas por mosquitos, como dengue, malária, febre amarela e zika, estão se expandindo devido ao calor e às inundações que disseminam essas pragas.

Destruindo hospitais e acesso a cuidados

O ar mais quente retém mais água e traz uma ameaça dupla: inundações devastadoras seguidas por anos de seca. Com o passar do tempo, as inundações afetarão nossa infraestrutura de saúde, como hospitais. As pessoas acharão mais difícil viajar para cuidados médicos, e os suprimentos médicos não poderão chegar aos hospitais e às pessoas afetadas.

Água potável escassa

Como vimos recentemente em São Paulo, durante secas severas, as pessoas precisarão racionar a água. Se o aquecimento global não for retardado, e se isso não for feito agora, esses eventos se tornarão mais frequentes e durarão mais. Mais pessoas estarão expostas a água contaminada, o que levará com que se transmitam mais doenças como a diarreia severa dos parasitas Giárdia e Cryptosporidium.

Ar não respirável

O ozônio é criado no nível do solo, quando a poluição proveniente de carros e fábricas reage com a luz do sol. O ozônio é particularmente perigoso para pessoas com doenças cardíacas ou pulmonares, como asma.

O que fazer

Para sua saúde, a saúde de seus filhos e além, esteja ciente do que está acontecendo ao seu redor. Lidar com a mudança climática não será barato. Algumas empresas e empresários vão reclamar muito das mudanças necessárias – porque seus lucros serão afetados se não forem autorizados, por exemplo, a derrubar florestas e poluir sem preocupação.

Mas os custos para todos nós serão muito mais severos, e nossa saúde será muito mais precária, se não começarmos a agir agora. Nossa saúde pessoal e a saúde de nossos filhos e do planeta não são mais importantes do que o lucro a curto prazo?

Para encontrar um médico em qualquer lugar do Brasil, vá até a Procuramed.com

Leia também na ProcuraMed:

Cuidado com as mordidas do seu gato

Taxas de câncer de cólon e reto aumentam em pessoas com menos de 50 anos

Esta postagem também está disponível em: Inglês

Médicos recomendados

Estes são alguns médicos recomendados na ProcuraMed.

VEJA MAIS MÉDICOS