Cogumelos ajudar a melhorar a saúde cerebral

Cogumelos podem ajudar a melhorar a saúde cerebral

Alimentação,

Estamos acostumados a pensar que quanto mais coloridos os vegetais, mais saudáveis são. Isso geralmente é verdade, mas acaba deixando de lado os cogumelos, que tecnicamente são um fungo sem muita cor e com alto teor nutritivo.

Um grande estudo recente realizado em Cingapura mostrou que comer cogumelos pode ajudar a proteger o cérebro. Os pesquisadores concluíram que comer cogumelos duas ou mais vezes por semana reduz o risco de “comprometimento cognitivo leve” em cerca de 50%.

Comprometimento Cognitivo Leve (CCL)

Esse diagnóstico é dado a pessoas mais velhas que apresentam um grau maior de declínio mental do que o esperado para a idade, mas não o suficiente para qualificar a demência. Essas pessoas podem ter desempenho adequado em atividades do dia a dia, mas têm mais do que dificuldades médias com memória, linguagem, atenção e/ou localização de objetos no espaço. O CCL pode permanecer estável, mas também pode, ao longo dos anos, progredir para demência completa ou doença de Alzheimer.

O estudo dos cogumelos

Os pesquisadores da Universidade Nacional de Cingapura estudaram 633 adultos com 60 anos ou mais. Eles rastrearam seus hábitos de dieta e estilo de vida de 2011 a 2017, e também administraram vários testes psicológicos para verificar o funcionamento cognitivo. Os resultados mostraram que as pessoas que comiam 2 ou mais porções (de 150 g) de cogumelos por semana eram cerca de 50% menos propensas a sofrer de CCL.

Não importava o tipo de cogumelo consumido e a porção semanal ideal era de 300 gramas ou mais. Mas quem comia menos de 300 gramas de cogumelos por semana também apresentava benefícios significativos.

Este estudo não prova que foram os cogumelos que levaram ao estado mental melhorado, mas é altamente sugestivo, já que os pesquisadores cancelaram outros possíveis fatores, como diferenças no consumo de álcool, tabagismo, atividade física, etc.

Por que os cogumelos são tão bons?

Cogumelos são ricos em fibras, vitaminas e minerais e são relativamente ricos em proteínas. A parte considerada benéfica para o cérebro é um antioxidante abundante em cogumelos (e não encontrado com facilidade em outros lugares) chamado ergothioneine. Este composto tem fortes propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias. Algumas pesquisas sugerem que o declínio mental pode acontecer em um processo inflamatório, por isso o cogumelo ajuda a evitar esse dano.

Curiosamente, outra pesquisa mostrou que as pessoas com CCL têm níveis sanguíneos mais baixos de ergothioneine, então os cogumelos podem ser o alimento especial com potencial de aumentar o nível desse composto e retardar as mudanças degenerativas no CCL.

O que você deve fazer?

Além de poder ajudar o cérebro, cogumelos são altamente nutritivos. Então, comer 300 gramas ou mais por semana parece ser uma boa ideia, em especial para pessoas com mais idade, que tenham histórico familiar de demência ou estejam preocupadas e queiram prevenir quaisquer alterações de memória.

Para encontrar um médico em qualquer lugar do Brasil, vá até a Procuramed.com

Leia também na ProcuraMed:

Como o café ajuda a proteger seu cérebro

Ficar sentado por muito tempo diminui o fluxo sanguíneo para o cérebro

Esta postagem também está disponível em: Inglês

Médicos recomendados

Este artigo é relacionado a especialidade Neurologia. A lista abaixo são de médicos relacionados a esta especialidade.

VEJA MAIS MÉDICOS