Levantar pesos bom para tratar depressão

Levantar pesos pode ser bom para tratar depressão

A maioria das pessoas pensa em treinamento com pesos como uma forma de ganhar força, resistência ou músculos maiores. Um novo estudo, publicado recentemente no Jornal da Associação Médica Americana de Psiquiatria, mostra que o treinamento com pesos traz benefícios mentais também. Essa modalidade pode ajudar a tratar e até prevenir a depressão.

Pesquisas anteriores mostraram que exercícios aeróbicos, como corrida ou caminhada rápida, pode aliviar os sintomas da depressão. Mas nenhum estudo em larga escala havia sido feito para ver se o levantamento de peso tinha o mesmo efeito. Neste estudo, os autores analisaram todas as pesquisas que estudaram a depressão e o treinamento com pesos e sintetizaram os resultados para a conclusão geral.

Como o estudo da depressão foi feito

Os pesquisadores identificaram 33 estudos de alta qualidade já realizados. O número total de participantes neles foi de 1877. A idade média foi de 52 anos e 67% eram mulheres. Todos os estudos foram “randomizados e controlados”, o que significa que cada estudo dividiu aleatoriamente seus participantes em dois grupos iguais.

Um grupo foi designado para o treinamento com pesos (programa médio de 4 meses), enquanto o outro, não. O estado mental e os sinais de depressão foram medidos no início e no final de cada estudo.

Uma vez por semana é suficiente

Mulheres e homens que participaram do treinamento com pesos apresentaram escores de depressão significativamente diminuídos no final do estudo em comparação com aqueles que não adicionaram o novo exercício aos treinos. E, curiosamente, não importava quantas vezes por semana eles iam à academia, quanto tempo passavam lá, ou quanto peso levantavam. A maioria das pessoas que treinaram com pesos melhorou apenas de aparecer na academia uma vez por semana e tentar levantar alguns pesos.

Algumas das pessoas no grupo de treinamento de peso foram supervisionadas por treinadores, e essas se saíram um pouco melhor do que o grupo não supervisionado, mas todos os praticantes dos exercícios melhoraram. E aqueles que não estavam clinicamente deprimidos no início do estudo pareciam estar um pouco protegidos de futuras depressões.

Por que o treinamento com pesos funciona?

Os pesquisadores acreditam que a tensão colocada nos músculos melhorou de alguma forma o equilíbrio dos neurotransmissores dos exercícios. O mecanismo exato, no entanto, precisará ser trabalhado em pesquisas futuras.

Outros tratamentos de depressão caros

Os tratamentos atuais para a depressão incluem psicoterapia e medicamentos. Ambos são caros e, para algumas pessoas, indisponíveis. Assim, os pesquisadores ficaram felizes que a possibilidade do treinamento com pesos como um tratamento alternativo para depressão leve a moderada.

O que você pode fazer

Esta pesquisa dá outra razão para considerar o treinamento com pesos. Se você estiver deprimido (e mesmo se estiver fazendo terapia ou tomando medicamentos), ou achar que está à beira da depressão, considere esta pesquisa. Se você não pode ir à academia, é possível se exercitar em casa com pesos ou elásticos. Se você odeia esse tipo de exercício, lembre-se de que atividades como caminhar rápido ou andar de bicicleta provavelmente ajudarão a melhorar seu humor também. Se você puder, uma combinação de treinamento aeróbico e de musculação é ideal!

Para encontrar um médico em qualquer lugar do Brasil, vá até a Procuramed.com

Leia também na ProcuraMed:

11 sintomas menos conhecidos da depressão

Dor lombar crônica: uma teoria de um famoso médico

Esta postagem também está disponível em: Inglês