bananas atletas

Qual a relação entre comer banana e o esporte?

Se você está acompanhando os jogos da Copa, já deve ter percebido a fartura de bananas oferecidas aos jogadores antes das prorrogações e cobranças de pênaltis. Mas por que essa fruta se mostra tão eficiente na recuperação rápida dos atletas?

bananas atletas

Estudo publicado em 2012 na revista PLoS ONE mostrou que a banana oferece uma série de benefícios a quem pratica exercícios. Ela não só ajuda na reposição de líquidos, mas também é uma fonte rica em carboidratos de rápida absorção.

A pesquisa acompanhou intensamente ciclistas profissionais em corridas de rua de 75 quilômetros. A cada 15 minutos de prova, os atletas recebiam ou meia banana ou uma bebida isotônica. Em três semanas, foram realizadas duas corridas. Na primeira, foi oferecido apenas bananas e, na segunda, apenas a bebida esportiva.

Ambos os resultados foram positivos. Entretanto, a banana ofereceu mais vantagens aos competidores. Em comparação com o isotônico, a fruta oferecia nutrientes adicionais: açúcares naturais, fibras e vitaminas C e B6. Também ofereceu flavonóides antioxidantes, que ajudam a neutralizar os radicais livres formados durante o exercício. E ainda garantiu o potássio, importante para evitar e ajudar na recuperação de câimbras, além de manter o bom equilíbrio de açúcar no sangue.

É importante lembrar que, mesmo com o consumo de banana, é indispensável a ingestão de água antes, durante e após os exercícios. Se você fizer exercício por mais de 45 minutos ou faz atividades mais intensas e costuma transpirar muito, pode ser uma boa ideia também acrescentar uma bebida esportiva neste processo.

Se a ideia de comer banana no pós-treino não lhe atrai, você pode usar a criatividade em preparar uma bebida mais completa. O ideal é acrescentar alguma proteína, importante para a recuperação e a construção de novas células musculares. Uma boa pedida é um smoothie de proteína de whey, água, mel e uma banana.

Se você não tem ou não gosta de whey, pode se surpreender substituindo por chocolate com leite de baixo teor de gordura. Essa combinação tem demonstrado ser superior a uma bebida esportiva na substituição do glicogênio, um importante combustível muscular. Além disso, biópsias de tecido muscular pós-exercício mostram que a ingestão de leite com baixo teor de gordura após os treinos é muito mais benéfica ao fortalecimento muscular que o consumo de apenas bebidas esportivas.

Escolha sempre a opção que mais lhe agrada e nunca se esqueça de manter o equilíbrio e a hidratação do organismo. E, na correria do dia a dia, a banana se mostra a melhor aliada pós-treino, já que é barata, de fácil transporte, encontrada com facilidade e já vem embalada.

Se você precisar encontrar um médico em qualquer lugar do Brasil, use o nosso site principal: www.procuramed.com.

Leia também na ProcuraMed:

Quais os países com os melhores sistemas de saúde?

Pesquisa relaciona problemas de ereção a colesterol alto

Esta postagem também está disponível em: Inglês