o ruído da academia não prejudicar sua audição

O que fazer para o ruído da academia não prejudicar sua audição

Você já fez aulas de ginástica onde a música era tão alta ao ponto de achar que prejudicaria sua audição? Ou teve essa sensação em restaurantes, bares, clubes ou shows? Provavelmente esse volume é prejudicial, mas existem medidas que você pode tomar para se proteger.

Como o ruído é medido

Os níveis sonoros são medidos em decibéis (dB). A escala de dB vai de 0 dB a 140 e mais. Uma conversa normal é de cerca de 60 dB, enquanto ficar parado perto de um tráfego pesado é de cerca de 85 dB. Ficar perto de um fogo de artifício ou tiro pode aproximar-se de 150 dB.

Qual o limite do barulho

Assim como há um máximo diário saudável para o sal, há também um máximo diário de exposição ao ruído para evitar perda auditiva. Abaixo de 75 dB não é provável que cause problemas, mas 85 dB ou mais podem causar perda permanente, dependendo do tempo de exposição. Os danos à sua audição dependem do nível de dB e de quanto tempo você está exposto.

Um nível menos de 85 dB por 8 horas é considerado seguro. A 100 dB, as recomendações limitam a exposição segura a apenas 15 minutos por dia. Para 110 dB, o máximo é um minuto. Exposição desprotegida perto da um tiro ou fogo de artifício é tão alta que até um segundo de exposição pode causar alguma perda auditiva permanente.

Como o ruído destrói a audição

Dentro do seu ouvido interno, há uma faixa de tecido contendo cerca de 16.000 células ciliadas microscópicas. O som faz com que essas células ciliadas dobrem, o que envia um sinal ao seu cérebro que você reconhece como um som. A alta exposição ao ruído danifica progressivamente essas células ciliadas e, eventualmente, elas atrofiam. No ouvido humano, quando essas células ciliadas desaparecem, elas desaparecem para sempre.

Dano progressivo e zumbido

A menos que você esteja exposto a um ruído muito alto (acima de 120 dB), é improvável que você perceba a perda auditiva imediatamente. A exposição crônica a sons acima de 85 dB enfraquecerá lentamente a sua audição. A perda pode ocorrer tão lentamente que não é percebida até muito tarde, e o dano não possa mais ser revertido. Outro sintoma desagradável com esta perda auditiva é o zumbido, que pode ser muito perturbador (veja este post anterior).

Nível de ruído em academias

Um estudo foi feito em 2016 em 17 aulas de spinning em Boston. Os resultados apontaram que a maior parte do tempo de aula tinha ruído superior a 100 dB. Durante uma aula de 45 minutos, um spinner (sem proteção de ouvido) receberia 9 vezes uma “dose” diária aceitável de ruído. Imagine o dano a um instrutor, que pode ensinar 2 ou 3 aulas por dia.

Um medidor de dB gratuito para o celular

Sugerimos que você meça o nível de dB dentro de qualquer local onde você suspeite que o barulho é alto demais. Um bom aplicativo gratuito para Android é Decibel X, e, para o iPhone, SoundPrint.

O que você pode fazer

Se os níveis forem consistentemente acima de 85 dB, você poderá:

1) Fazer um printscreen na tela da leitura de dB. Mostre para o gerente e peça que abaixe o volume

2) Vá para uma parte mais silenciosa da sala

3) Use tampões de ouvido de qualidade. Os melhores são moldados nos ouvidos, feitos por um fonoaudiólogo, mas são mais caros

4) Reclame e mude para um estabelecimento diferente.

É irônico que, mesmo em uma academia, onde você vai para ficar mais saudável, você pode acabar exposto a um nível tóxico de ruído. Continue se exercitando, mas tome medidas para proteger seus ouvidos!

Para encontrar um médico em qualquer lugar do Brasil, vá até a Procuramed.com

Leia também na ProcuraMed:

Dez fatos sobre zumbido nos ouvidos

A relação entre perda de audição e declínio mental

Esta postagem também está disponível em: Inglês