Hospital GOSH

Por que o SUS não vai estar na abertura Olímpica do Rio

Se você foi um dos cerca de quatro bilhões de telespectadores da Cerimônia de Abertura dos Jogos Olímpicos em Londres, na sexta-feira, 27 de julho, pode ter ficado surpreso e perplexo com a participação do British National Health Service – NHS (Serviço Nacional de Saúde Britânico). No guia oficial da Cerimônia de Abertura, oferecido para a imprensa, o NHS foi conclamado como “a instituição, que mais do que qualquer outra, une nossa nação.”

Hospital GOSH London

Vamos dar uma breve olhada no que é o NHS e por que os ingleses são tão orgulhosos dele.

Quase todos os 600 voluntários que dançaram em uma parte do cerimonial já trabalharam para o NHS. E muitas das crianças que saltaram sobre as camas hospitalares, durante a festa da abertura, foram pacientes do hospital infantil público mais querido de Londres, o Great Ormond Street Hospital(carinhosamente chamado de “GOSH” como se vê na foto). Demonstrando o compromisso britânico com a saúde e a filantropia, o escritor J.M. Barrie doou para o Gosh todos os ganhos de um de seus livros mais famosos, Peter Pan.

O NHS foi um legado da Segunda Guerra Mundial (1939-1945), quando o governo britânico começou a atender, gratuitamente, qualquer pessoa ferida em uma ação inimiga. Próximo ao fim da guerra, o governo ampliou a cobertura para incluir todos os cidadãos do Reino Unido. A partir de 1948, a instituição se expandiu e, hoje, é o quinto maior empregador único no mundo, com mais de 1,7 milhão de pessoas contratadas.

Em 2011, um recorde de 70% dos cidadãos do Reino Unido se disseram um pouco ou muito satisfeitos com o NHS. O índice daquele ano foi um recorde positivo na história da entidade. Apesar de continuar alto, no ano passado, porém, o percentual de aprovação foi menor. A explicação mais provável é a de que, devido à crise financeira, houve redução do número de funcionários, o que deve ter gerado descontentamento entre os usuários do sistema.

Como no Brasil, o Reino Unido também tem um sistema privado de saúde, mas apenas cerca de 8% da população opta por usar esse sistema. Visitantes e turistas no Reino Unido estão apenas cobertos por serviços de emergência.

Em nosso País, desde que o Sistema Único de Saúde (SUS) foi instituído, a mortalidade infantil caiu drasticamente e a expectativa de vida aumentou em quase 11 anos.  Ainda assim, a instituição precisa melhorar muito para igualar-se em qualidade ao NHS.

O governo está fazendo um esforço para aprimorar o serviço. Mas é fato que se o dinheiro dos impostos se destinassem ao apoio à saúde pública, e se perdesse menos para a corrupção, o SUS poderia ampliar a qualidade de atendimento, assim como a oferta de procedimentos, e ganhar popularidade entre os usuários.

Como nada disso é possível para o momento, é difícil imaginar a presença do SUS na abertura das Olimpíadas do Rio, em 2016. Porém, como lemos em Peter Pan, para o sonho acontecer, é preciso primeiro acreditar nele.

Caso você necessite encontrar um médico, pode fazê-lo em nosso site: www.procuramed.com.

Esta postagem também está disponível em: Inglês

Category : Doenças
Tags : , , ,