Mais Saúde

Estudo inglês revela quando os adultos se tornam mais felizes

Se você está na meia-idade e sente-se sobrecarregado, com muitas responsabilidades e preocupações, talvez você possa se consolar sabendo os resultados de um grande estudo que acaba de ser lançado pelo governo britânico. Por um lado, o estudo mostra que pessoas menos felizes têm idade entre 40 e 59. Por outro, também mostra que a felicidade tende a aumentar depois dessa fase.

O estudo analisou o nível de felicidade e satisfação com a própria vida de mais de 300 mil pessoas com mais de 16 anos de idade. A pesquisa foi realizada entre 2012 e 2015. Confira as principais conclusões:

Crise da felicidade

Os pesquisadores acreditam que a crise da felicidade esteja na meia-idade porque é nessa fase que as pessoas têm os mais altos níveis de responsabilidade. Em geral, elas são mais exigidas no trabalho e são responsáveis não apenas pelos filhos, mas também pelos próprios pais em fase de envelhecimento. Além disso, é na meia-idade que se concentram as maiores dívidas, como aquisição e pagamento da casa própria e de outras grandes posses.

Quando estão mais velhas, as pessoas já costumam estar libertas das grandes responsabilidades e possuem mais tempo para relaxar e se divertir – especialmente se estão com boa saúde física e mental.

Embora o estudo tenha sido realizado no Reino Unido, é possível que as conclusões sejam parecidas com relação aos brasileiros. De qualquer forma, a melhor dica que podemos dar a você hoje é que cuide bem de sua saúde para que possa chegar bem à terceira idade e tenha motivos de sobra para ser feliz.

Se você precisar encontrar um médico em qualquer lugar do Brasil, use o nosso site: www.procuramed.com.

Leia também na ProcuraMed:

Funções do cérebro que melhoram com a idade

Exercícios intervalados de alta intensidade também para terceira idade

Estudo inglês revela quando os adultos se tornam mais felizes was last modified: março 9th, 2016 by

Esta postagem também está disponível em: Inglês