Resiliencia satisfacao

Pessoas resilientes são mais satisfeitas com a vida

Um novo estudo, publicado no periódico Behavioral Psychology, mostrou que a resiliência, que é o processo no qual cada indíviduo se adapta positivamente frente aos momentos adversos do dia-a-dia, está diretamente relacionada com o nível de satisfação pessoal.

Pessoas resilientes são mais satisfeitas com a vida

A pesquisa, realizada pela Universidade Autônoma de Barcelona (UAB), na Espanha, foi feita com base na análise 254 questionários respondidos por estudantes da Faculdade de Psicologia da UAB.O estudo teve como objetivo principal avaliar o nível de satisfação com a vida e encontrar conexões entre a resiliência e capacidade de recuperação emocional, que é um dos componentes da inteligência emocional e que consiste na capacidade de controlar as próprias emoções e aquelas proveniente dos outros.

Os dados da pesquisa mostraram que os estudantes mais resilientes, 20% dos entrevistados, são os mais satisfeitos com suas vidas. Eles são também os que acreditam ter maior controle sobre suas emoções e seu estado de espírito. A resiliência, portanto, tem um efeito positivo sobre a previsão do nível de satisfação com a vida.

De acordo com Joaquín Limonero, coordenador da pesquisa, algumas das características da resiliência podem ser trabalhadas e melhoradas, como a autoestima e a autorregulação das emoções. Aprender as técnicas pode oferecer às pessoas os recursos necessários para ajudá-los a adaptar e melhorar sua qualidade de vida. Além de que, possuir objetivos claros em diversas áreas da vida, espiritualidade ou fé e boas redes de apoio, como laços afetivos e familiares sólidos e verdadeiros, pode ajudar a tornar as pessoas mais resilientes.

Caso você necessite encontrar um médico, você pode fazê-lo pelo nosso site: www.procuramed.com. É rápido, simples e sem custo!

A ProcuraMed deseja um ótimo final de semana a todos!

Leia também na ProcuraMed:

* Sentimentos positivos ajudam a proteger a saúde cardiovascular

* Otimismo prolonga a vida

* Achar que está mal de saúde aumenta as chances de ter demência

Foto: gettyimages.com

 

 

Esta postagem também está disponível em: Inglês