Mais Saúde

Ômega 3 e vitaminas B, C, D e E fortalecem o cérebro de idosos

Uma alimentação de qualidade é essencial para uma vida mais saudável. Em uma nova pesquisa realizada nos EUA, publicada na edição de Janeiro do periódico Neurology, cientistas da Universidade de Saúde e Ciência de Oregon constataram que níveis mais altos dos ácidos graxos ômega-3 e das vitaminas B, C, D e E estão associados a um melhor funcionamento do cérebro entre os idosos.

No estudo os pesquisadores mediram os níveis desses nutrientes no sangue de 104 homens e mulheres, cuja idade média era de 87 anos. Os cientistas também realizaram exames para determinar o volume cerebral e administraram seis testes comuns de funcionamento do cérebro.

Depois de controlar idade, sexo, pressão arterial, índice de massa corporal e outros fatores, os pesquisadores descobriram que as pessoas com níveis mais elevados das quatro vitaminas no sangue obtiveram pontuações melhores nos testes cognitivos. Elas também tinham um volume cerebral maior do que aquelas com níveis mais baixos.

Os níveis de ômega-3 mostraram-se ligados a um melhor funcionamento cognitivo e à presença de vasos sanguíneos mais saudáveis no cérebro, mas não a um volume cerebral maior, o que sugere que esses ácidos graxos benéficos ajudam a melhorar a cognição por meios diferentes. Níveis mais altos de gorduras trans, por outro lado, se mostraram significativamente associados à diminuição da capacidade cognitiva e a um menor volume cerebral.

O principal autor da pesquisa, Gene L. Bowman, pesquisador em Neurologia da Universidade de Saúde e Ciência do Oregon, disse que o estudo não conseguiu concluir se tomar suplementos desses nutrientes ajuda a diminuir o risco de demência. Porém, ele acrescentou: “Que mal existe em se alimentar de modo saudável? Peixes, frutas e legumes têm esses nutrientes. Além disso, ficar longe de gorduras trans é algo básico que todos somos capazes de fazer”.

Saiba um pouco mais sobre o ômega-3

O ômega-3 é um ácido graxo insaturado, e sua  ingestão  auxilia na diminuição dos níveis de triglicerídeos e colesterol ruim LDL, enquanto pode favorecer o aumento do colestrol bom HDL. Possui ainda importante papel em alergias e processos inflamatórios.

O salmão, a sardinha e o atum possuem grande concentração da substância.  segunda fonte mais importante de ômega-3 é a semente de linhaça. A semente de chia, e as nozes também  como outro alimento rico em ômega-3. O óleo de canola também possui ômega-3, porém seu consumo deve ser moderado, pois, esse óleo também possui ômega-6, que se consumido em excesso ajuda a aumentar o risco de doenças inflamatórias. Nozes também são destacadas pela nutricionista. Ela ainda cita algumas verduras escuras e o azeite, que possuem pequenas doses de ômega-3.

Foto: google.com

Ômega 3 e vitaminas B, C, D e E fortalecem o cérebro de idosos was last modified: junho 17th, 2016 by