suco-acucar

O que é mais saudável: suco ou refrigerante?

Nos últimos anos, a quantidade de açúcar presente em alimentos e bebidas tem ganhado bastante atenção. Na busca por alternativas mais saudáveis, muitas pessoas, em especial mães de crianças, têm eliminado o refrigerante em casa e trocado por suco em caixinha. Mas será que é uma boa opção? Há algum suco industrializado que possa ser consumido sem preocupação com a quantidade de açúcar que contém?

suco-acucar

Para termos certeza do que consumimos, é preciso estarmos atentos aos rótulos. Com os sucos, o primeiro item a ser analisado é a quantidade real de suco de fruta que existe dentro de cada caixinha. No Brasil, infelizmente, não existe nenhuma norma que determine a quantidade mínima de suco de fruta na composição.

Outra questão a estar atento é a quantidade de açúcar, já que, em geral, o suco que temos nos supermercados tem muito pouco suco de fruta de verdade e quantidades grandes de açúcar. Ou seja, as empresas não costumam se preocupar muito com o que é colocado na caixinha e se preocupam mais com as vendas. E doce vende muito.

O resultado são bebidas industrializadas com grandes concentrações calóricas. Uma colher de chá de açúcar contém 4 gramas de carboidratos. Em um copo de 200 ml de suco de caixinha, temos seis colheres de chá de açúcar, o equivalente a 24 gramas de carboidratos. Ou seja, se bebermos dois copos pequenos de suco industrializado, consumiremos junto 12 colheres de chá de açúcar.

Com relação ao açúcar, o refrigerante não é muito mais concentrado que o suco em caixinha. Em uma lata de Coca-cola, por exemplo, temos 10 colheres de chá de açúcar. Mas, comparando as duas bebidas, o suco pode ser um pouco mais saudável porque, dependendo do processamento, pode apresentar algumas vitaminas e antioxidantes, que não existem nos refrigerantes.

A principal preocupação com ambas as bebidas é a ingestão de muito açúcar em porções pequenas, absorvidas rapidamente pelo organismo. São calorias rápidas e líquidas, da pior forma com que poderiam se apresentar: de carboidratos simples. Essa explosão de açúcares líquidos no organismo leva a um pico muito rápido dos níveis de glicose no sangue, o que, ao longo do tempo, contribui para obesidade e diabetes.

Para consumir bebidas mais saudáveis, aqui vão algumas dicas:

  1. Tente, sempre que possível, fazer seu próprio suco. Bata no liquidificador frutas inteitas, sem adição de açúcar. Evite coar o suco para aproveitar todas as fibras, que atrasam a absorção dos açúcares naturais das frutas.
  1. Uma opção fácil é a limonada, que é rápida e quase não faz sujeira.
  1. Busque substituir sucos e refrigerantes por água, chá ou café. Com o tempo, o paladar acostuma com sabores menos açucarados, então, tente diminuir o açúcar e, se possível, tome essas bebidas sem adoçar.
  1. Se, mesmo assim, o suco de frutas lhe parecer mais atrativo, procure diluí-lo em um copo com metade de água. Assim, o açúcar fica menos concentrado. E limite esse consumo a menos de uma xícara de suco industrializado por dia.

Se você precisar encontrar um médico em qualquer lugar do Brasil, use o nosso site principal: www.procuramed.com.

Leia também na ProcuraMed:

Consumo de refrigerantes aumenta o risco de AVC

Quase metade da população brasileira está acima do peso

Esta postagem também está disponível em: Inglês