Beleza da pele

Comer frutas e vegetais melhora a beleza da pele

Possuir uma boa aparência é um desejo de todos. Neste sentido, um novo estudo publicado no jornal online PLoS ONE, mostra que a ingestão diária de frutas e verduras está associado com mudanças no aspecto do tom da pele, sendo julgadas como mais saudáveis e atrativas as pessoas que consomem mais.

Beleza da pele

Realizado pela Universidade de St. Andrews, nos EUA, o estudo acompanhou o consumo de frutas e verduras de 35 pessoas, e seus resultados tem uma potencial utilidade na formação de novas estratégias de intervenção na dieta, onde uma mudança de comportamento pode ser motivada através da ilustração dos benefícios que isso confere sobre a aparência.

Durante o estudo, que durou seis semanas, os participantes preencheram três questionários sobre seus hábitos alimentares, para avaliar o que comiam e como era o respectivo consumo, enquanto isso os pesquisadores registraram a coloração da pele dos participantes. Em uma segunda parte do estudo, foram mostradas imagens de quatro faces caucasianas, para 24 observadores, cuja coloração correspondia a vários níveis de ingestão de frutas e verduras. Os observadores foram convidados a avaliar os rostos com base na percepção de saúde e atratividade, com o objetivo de descobrir quantas porções por dia eram necessárias para uma visível melhora na beleza.

De acordo com o pesquisador Dr. Ross Witehead, responsável pela pesquisa, o estudo sugere que um aumento no consumo de frutas e verduras de cerca de três porções, sustentados por um período de seis semanas, é suficiente para transmitir melhorias perceptíveis na sanidade aparente e atratividade da pele facial.

O estudo analisou dois carotenóides em específico: o beta-caroteno e o licopeno. A primeira substância, oferece a cor laranja para a cenoura, e também pode ser encontrado no inhame, abóbora, pêssego, damasco. Já a segunda, oferece um tom avermelhado ao pimentão, tomate e melancia, por exemplo. Os participantes que comeram mais frutas e vegetais registaram um aumento dons tons de vermelho e amarelo da pele. Os investigadores atribuem a mudança de cor aos carotenóides.

 É importante notar que o estudo mostra apenas uma associação entre o consumo de produtos e uma melhor pele, e não uma causa e efeito. Os pesquisadores reconhecem que o estudo considerou uma amostra pequena de indivíduos, sendo quase todos eles brancos. Mais pesquisas são necessárias para ver se as conclusões são aplicáveis para outros grupos étnicos. É importante lembrar que os carotenóides estão presentes em muitas frutas e legumes, mesmo aquelas que não apresentam exteriormente a cor vermelha ou amarelo, como as folhas verdes.

Tags :